Ore Pela Sua Polícia | 52 dias de Oração

CONHEÇA AS POLÍCIAS

INFORMAÇÕES DE INTERESSE PÚBLICO ARTIGO 144 DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL

“A segurança pública, dever do Estado, direito e responsabilidade de todos...”

POLÍCIA MILITAR:

Polícia Preventiva. Responsável pelo policiamento ostensivo preventivo em todas as modalidades nos municípios do Estado. Atende as chamadas de emergência 190 e realiza a repressão imediata. Atua também no policiamento ambiental, rodoviário estadual, operações especiais, patrulhamento aéreo e em São Paulo também nas atividades de bombeiros, por meio do Corpo de Bombeiros 193.

POLÍCIA CIVIL:

Polícia Judiciária. Responsável pelo Inquérito Policial e apuração das infrações penais e investigação de crimes buscando identificar o autor. Tem jurisdição estadual.

POLÍCIA TÉCNICO-CIENTÍFICA:

Responsável pela produção da prova pericial, por meio da análise científica de vestígios produzidos e deixados durante a prática de delitos.

POLÍCIA FEDERAL:

Polícia Judiciária da União. Responsável em apurar crimes e infrações na esfera federal. Atua na prevenção e repressão ao tráfico ilícito de entorpecentes e drogas afins, ao contrabando e ao descaminho. Exerce as funções de polícia marítima, aeroportuária e de fronteira.

POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL:

Destina-se ao patrulhamento ostensivo das rodovias federais.

GUARDA MUNICIPAL:

Responsável pela proteção dos bens, serviços e instalações do município ao qual pertence.

OUVIDORIA DE POLÍCIA:

É um órgão auxiliar do Poder Executivo, com autonomia e independência na fiscalização dos serviços e atividades do Sistema de Segurança Pública. Recebe denúncias e sugestões.

POLÍCIA COMUNITÁRIA:

É uma filosofia de trabalho integrado e de parceria entre a comunidade e a polícia, que busca primordialmente a resolução conjunta de problemas, a prevenção criminal e a melhoria da qualidade de vida da área.

CONSELHO COMUNITÁRIO DE SEGURANÇA-CONSEG:

É uma entidade de participação comunitária de apoio à polícia. Congrega líderes e voluntários do mesmo bairro ou cidade e tem por objetivo trabalhar para a solução de problemas afetos à segurança, mobilizando as forças comunitárias e governamentais.

COMO VOCÊ PODE PARTICIPAR, AJUDANDO A POLÍCIA DO SEU BAIRRO?

  • Esteja sempre atento a situações anormais ou que levem à suspeita de ações criminosas. Utilize o serviço Disque-Denúncia 181 (Sigilo Absoluto - 24h) para denunciar qualquer tipo de prática ou suspeita de crime. Lembre-se que para casos de emergência disque 190.
  • Em caso de emergência, acione a polícia com responsabilidade e corretamente, mesmo quando o problema não seja com você. Quando for comunicar uma notícia-crime ou suspeita de crime, não esqueça de coletar o máximo de informações possível antes de passar à Polícia. Lembre-se dos seguintes pontos:
    1. Local onde está ocorrendo o crime. Levante o nome do logradouro (Rua, Avenida...), número e uma referência do local.
    2. Características dos indivíduos: quantidade de pessoas, cores e tipos de roupas, características físicas (cabelo, pele, altura, idade aproximada, característica peculiar... etc.) e se estavam armados ou não.
    3. Características dos veículos envolvidos: tipo, cor, modelo e placa do veículo, se possível.
    4. Direção de fuga: Identifique o logradouro e a direção que os marginais empreenderam fuga, informando se à pé ou de veículo e o tempo aproximado que esse fato ocorreu.
    5. A forma como praticaram o crime (modus operandi): detalhes da maneira que os marginais praticaram o delito. Ex. linguagem utilizada, gestos etc.
  • Quando for vítima de qualquer crime, por menor que seja, não deixe de comunicar à Polícia e registrar o Boletim de Ocorrência. Pela internet já há um serviço de Delegacia Eletrônica que você pode registrar alguns tipos de ocorrência. Consulte o site da Secretaria de Segurança Pública. A Polícia depende dessas informações para analisar o índice criminal da região e realizar bem o seu planejamento operacional. Este fator influencia também no número de policiais e viaturas que serão designados para a região.
  • Participe das reuniões do Conselho Comunitário de Segurança - CONSEG, para inteirar-se dos problemas afetos à segurança de sua região e cooperar na medida do que lhe for possível. Quando não puder comparecer, envie um representante da sua organização ou de seu grupo de relacionamento e mantenha-se informado dos assuntos da reunião. Muitos CONSEGs já oferecem um boletim eletrônico que está disponível para a comunidade.
  • Mantenha-se informado das boas práticas policiais e projetos bem sucedidos de participação comunitária na área de segurança pública. O site da Secretaria Nacional de Segurança Pública e de outras Secretarias de Segurança Pública dos Estados já disponibilizam um observatório de excelentes projetos que podem ser multiplicados.
  • Valorize as boas ações policiais do seu bairro, bem como denuncie abusos por meio da Ouvidoria ou Corregedoria. O chefe ou comandante da unidade policial do seu bairro poderá informar-lhe o nome do Policial do Mês que se destacou pelos bons serviços prestados.
  • Procure conhecer e apoiar o Conselho Tutelar e as Associações de Pais e Mestres (APMs) das Escolas Públicas de sua região. É primordial tratarmos a base do problema, atuando na prevenção criminal e da violência dentro das escolas e na família.
  • Coopere na promoção de campanhas e ações integradas de caráter educacional e social, visando a prevenção de delitos e assistência à população carente e de risco do seu bairro.
  • Procure manter uma atitude pró-ativa no relacionamento com os órgãos públicos e do terceiro setor que atuam na sua região. Procure a área de relações públicas e cadastre-se para receber informativo eletrônico.
  • Incentive a Prefeitura da sua cidade a estabelecer parcerias com a Secretaria de Segurança Pública. Atualmente há inúmeras possibilidades de convênios entre município e Estado, tais como: convênio de trânsito, de cooperação técnica, material, operacional etc. Lembre-se que a integração município-estado só beneficia a melhoria da qualidade de vida local. Consulte a Secretaria de Segurança Pública do seu Estado.
  • Conheça, divulgue e participe da implementação do Plano Diretor do seu município. Solicite informações à sua Prefeitura. Lembre-se que o desenvolvimento sustentável coopera diretamente para a melhoria da segurança pública.
  • Mobilize a sua comunidade religiosa para orar constantemente pela Polícia e autoridades públicas.

TELEFONES ÚTEIS

190 - Polícia Militar – EMERGÊNCIA

193 - Bombeiros - EMERGÊNCIA

197 - Polícia Civil

181 – Disque Denúncia (24horas - SIGILO ABSOLUTO)

MAIS NOTÍCIAS

ABERTURA DA CAMPANHA DO ORE PELA SUA POLÍCIA

ABERTURA DA CAMPANHA DO ORE PELA SUA POLÍCIA

Leia mais →

CULTO ORE PELA SUA POLICIA NA ÁREA DO CPA/M-5

CULTO ORE PELA SUA POLICIA NA ÁREA DO CPA/M-5

Leia mais →

ORE PELA SUA POLICIA NO CPA/M-12

ORE PELA SUA POLICIA NO CPA/M-12

Leia mais →

CULTO ORE PELA SUA POLÍCIA NA ÁREA DO CPA/M-8

CULTO ORE PELA SUA POLÍCIA NA ÁREA DO CPA/M-8

Leia mais →

CULTO ORE PELA SUA POLÍCIA NA ÁREA DO CPA/M-8

CULTO ORE PELA SUA POLÍCIA NA ÁREA DO CPA/M-8

Leia mais →

CRIANÇAS VISITAM UNIDADE DA POLÍCIA MILITAR / VILA LOBOS

CRIANÇAS VISITAM UNIDADE DA POLÍCIA MILITAR / VILA LOBOS

Leia mais →

CULTO ORE PELA POLÍCIA NA ÁREA DO CPA/M-8

CULTO ORE PELA POLÍCIA NA ÁREA DO CPA/M-8

Leia mais →

CULTO ORE PELA POLÍCIA NA ÁREA DO CPA/M-8

CULTO ORE PELA POLÍCIA NA ÁREA DO CPA/M-8

Leia mais →

CULTO ORE PELA SUA POLICIA NA ÁREA DO CPA/M-5

CULTO ORE PELA SUA POLICIA NA ÁREA DO CPA/M-5

Leia mais →

ORAÇÃO NA REGIÃO DO CPI-9

ORAÇÃO NA REGIÃO DO CPI-9

Leia mais →

[ Veja todas as notícias ]

Inscreva-se em nossa Newsletter